20 de setembro de 2009

Sobre o que não se sabe

Eu penso em você. Em mim. Sem parar, não consigo evitar. 
Tentei ver no futuro, você me envolvendo em seus braços e brincando com uma mecha do meu cabelo. Nós dois, caminhando pela praia em um fim de tarde. Só se ouviam risadas, vindas de nossa direção. Eu e você, andando de mãos dadas pela rua. Os dedos entrelaçados, com sorrisos esboçados. Assim, desse jeito mesmo, para que todos que passassem e olhassem, sentissem os detalhes.
Pensei em como poderia ser. Planejei cada detalhe, cada fala, cada gesto. Imaginei as trilhas sonoras que poderiam tocar ali, naquele momento. E essas que depois, me lembrariam dele com profunda saudade. Enfim, idealizei tudo.
Mas, um pensamento não saia da minha mente:
Deveras, ele não sabia o que eu sentia. Nem sequer fazia idéia do que eu pensava, planejava, imaginava e idealizava. 
Ah, moço bonito... se você soubesse. Se você existisse - na verdade -, já seria um começo.

15 comentários:

Anα Cαrolιnα Butrιco disse...

Realmente.

Lo-Hanna Nunes disse...

Queria estar assim tambeém bêzinhaa...

Lindo texto!

Mariana Andrade. disse...

aah bê,
vai existir..
vai sim.

bjs ;*

Daniel Barros disse...

bonito mesmo, seu texto.

[ sorte, moça ]

bj.

Márcia Amaral disse...

na verdade ele existe, só que ainda não te encontrou :)

Jaya disse...

Eu acredito que já exista.

Beijo, Bê.

Larissa disse...

Os que a gente idealiza nem sempre existem e isso é algo que a gente aprende a conviver (?) Aprende?
Um beijo.

Joyce Carolini. disse...

Texto lindinho!

Beijos pra ti, Bê.





P.S.:Obrigada pelo comentário, volte sempre!

disse...

meu moço tem uma mão quente no meu queixo, enquanto tenho o olhar baixo e envergonhado. :)

disse...

Eu vivo pensando nele. No meu ''ele', não no seu. -Q
Eu sei que ele existe, só tenho me cansado de esperar ele chegar.. você também não cansa? :)


Lindo e, como sempre, poético.
Um Beijo s2

Duh disse...

Olá,
muito obrigado pela visita no mirongas!
Gostei muito do seu blog tbm.
estou te seguindo aqui, e no twitter.
hehe
bjo, até mais!

Gabriela M. disse...

Ah, moço bonito... se você soubesse. Se você existisse - na verdade -, já seria um começo

parece que você escreveu esse texto pro Edward Cullen. adorei, principalmente o final.

um beijo :*

Maria disse...

Penso eu que ele já existe.
Ele haverá de chegar.

Beijos doces

Luana Mendes disse...

Tão ruim quanto ele saber, e não querer.
Adorei seu blog, ;*

Babih Xavier disse...

Ele existe mas naum sabe ainda xD

amei o blog ^^